Image
Arquipelago de Origem:
Portugal
Data da Peça:
2011-00-00 00:00:00
Data de Publicação:
17/03/2020
Autor:
Manuel Amado
Chegada ao Arquipélago:
2020-03-17
Proprietário da Peça:
Manuel Amado
Proprietário da Imagem:
Manuel Amado
Autor da Imagem:
Manuel Amado
Interior II, série "Na ermida", óleo de Manuel Amado, 2011, Portugal

Categorias
    Descrição
    Interior II.
    Óleo sobre tela, 116 x 89 cm.
    Manuel A. Sotto-Mayor da Silva Amado (1938-2019), 2011.
    Obras selecionadas do Autor on-line, série Na ermida, Lisboa, Portugal.

    Esta série deu azo a uma exposição do Autor realizada na Ermida de Nossa Senhora da Conceição, Belém, inaugurada a 17 de dezembro de 2012 e que se prolongou até 13 de janeiro seguinte. Tendo como mote o espaço expositivo que acolhe a mostra, uma Ermida, estas obras revisitaram algumas igrejas portuguesas, designadamente em Santarém, São Martinho do Porto e Lisboa, representando-as de forma, aparentemente, mimética. Em todas as telas que compõem estes espaços do sagrado fechados e abertos para a luz denota-se a mestria e rigor do seu traço de arquitecto. São disso exemplo os ângulos, esquinas, pontos de fuga, jogos de sombra e luz que caracterizam estas telas e que lhes conferem uma dimensão cénica. Manuel Amado (1938-2019) nasceu em Lisboa, tendo vivido no antigo Palácio Pimenta, hoje Museu da Cidade de Lisboa. Fez o curso do liceu no colégio Moderno, durante o qual se dedicou assiduamente ao teatro. Iniciou as suas experiências em pintura em 1956, atividade que nunca abandonou no seu quotidiano privado. Terminou o curso superior de arquitetura em 1965, passando a exercer desde então a profissão de arquiteto. Executou diversos cenários em colaboração com diferentes grupos de teatro, entre os quais o Teatro Universitário de Lisboa e o grupo 4. Participou a partir de 1974, em várias exposições coletivas de pintura. Com o incentivo do pintor seu amigo Cruzeiro Seixas (1920-), expôs individualmente na Galeria da Junta de Turismo da Costa do Sol, em 1978, Galeria S. Mamede, Árvore, Nazoni e outras, expondo depois com regularidade em Portugal e no estrangeiro.