Image
Arquipelago de Origem:
Faial (Açores)
Data da Peça:
1730-00-00
Data de Publicação:
15/12/2021
Autor:
Oficina local (?)
Chegada ao Arquipélago:
2021-12-15
Proprietário da Peça:
Paróquia do Santíssimo Salvador da Horta
Proprietário da Imagem:
Sílvia Ferreira
Autor da Imagem:
Sílvia Ferreira
Capela-mor da igreja matriz do Salvador da Horta, reforma de 1730 (c.) e seguintes, ilha do Faial, Açores

Categorias
    Descrição
    Capela-mor da igreja matriz do Salvador da Horta.
    Trabalho de talha de oficina local, 1730 (c.) e seguintes
    Igreja matriz do Santíssimo Salvador da Horta.
    Antigo colégio dos Jesuítas de São Francisco Xavier do Faial,
    Fotografia de Sílvia Ferreira, novembro de 2021.
    Largo Duque de Ávila e Bolama, Horta, ilha do Faial, Açores.

    O futuro colégio dos jesuítas de São Francisco Xavier foi erguido por legado testamentário do capitão-mor do Faial, Francisco de Utra de Quadros (c. 1590-1652) e sua esposa D. Isabel da Silveira, que sem descendentes e por pressão do padre Luís Lopes, primeiro reitor do colégio de Todos os Santos de Ponta Delgada, legaram todos os seus bens, por escritura de 1648, incluindo o Solar dos Utras para fundação de um colégio da Companhia na cidade da Horta. O lançamento da primeira pedra da igreja anexa a este convento aconteceu logo a 21 de outubro de 1652, mas a construção efetiva só se iniciaria em 1680, dois anos depois do alvará régio de autorização. O edifico do Colégio dos Jesuítas, entretanto, só começou a ser construído em 1719 e não chegaria a ser acabado, devido à expulsão dos padres da Companhia, a 1 de agosto de 1760.
    A imensidão da obra, que se ficou somente pela ala da fachada, é patente ainda hoje, albergando a Museu da Horta, a igreja do Santíssimo Salvador, ou de São Salvador e ainda a câmara municipal da Horta. Cf, entre outros, Rui Carita, O colégio jesuíta de São Francisco Xavier no Faial, com. apresentada ao Colóquio O Faial e a periferia açoriana nos Séculos XV a XX, ilhas do Faial e de S. Jorge, Açores, 12 a 15 de maio de 1997, pub. separata, Núcleo Cultural da Horta, Faial, 1998, pp. 113 a 153.