Image
Arquipelago de Origem:
Bairro Alto
Data da Peça:
1632-00-00
Data de Publicação:
08/05/2022
Autor:
Vários
Chegada ao Arquipélago:
2022-05-08
Proprietário da Peça:
Privado
Proprietário da Imagem:
Rui Carita
Autor da Imagem:
Rui Carita
Antiga igreja de São Pedro e São Paulo do chamado Colégio dos Inglesinhos, 1632 (c.) e seguintes, Bairro Alto, Lisboa, Portugal

Categorias
    Descrição
    Antiga igreja de São Pedro e São Paulo do chamado Colégio dos Inglesinhos.
    Campanha de 1632 (c.) e seguintes.
    Fotografia de 16 de abril de 2022.
    Hoje condomínio de luxo.
    Travessa dos Inglesinhos, tornejando para Rua Luz Soriano e Rua de São Boaventura, Calçada do Cabra, Bairro Alto, Lisboa, Portugal

    Cronologia:
    Séc. 17 - doação por D. Pedro Coutinho de umas suas casas para a fundação e edificação de um seminário de padres católicos ingleses, sob a inspecção do inquisidor-geral do reino, surgindo assim o oficialmente denominado Venerável Colégio Pontifício de São Pedro e São Paulo, vulgarmente designado dos Inglesinhos; em troca, o padroeiro reserva para si a sepultura da capela-mor; 1621 - carta régia autoriza a instituição do seminário; 1628 - vindos da Flandres chegam a Portugal os primeiros rapazes ingleses e dois professores; 1632 - início das obras, sob a coordenação do Padre Nicholas Ashton, capelão da colónia inglesa de Lisboa e amigo do fundador D. Pedro Coutinho; a administração da casa é feita pelos Inquisidores gerais, sendo o primeiro D. Francisco de Castro; 1644 - a igreja encontra-se concluída; séc. 18 - pintura do teto da igreja dos inglesinhos por Lourenço da Cunha, desaparecido com o terramoto de 1755; 1755, 1 novembro - o edifício sofre graves danos com o terramoto; 1758, 26 abril - nas Memórias Paroquiais, assinadas pelo pároco das Mercês, Joaquim Ribeiro de Carvalho, é referido o Colégio; 1971 - encerramento da casa; 1982 - aquisição do imóvel pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa; 2004 - projeto de adaptação deste imóvel a complexo habitacional de luxo.